ABCZ RECEBE COMITIVA INTERNACIONAL DA CRV LAGOA

03/02/2017

03 de fevereiro, 2017 por Faeza Rezende

A ABCZ recebeu nesta sexta-feira (03/02) a visita do diretor da CRV Lagoa na América Latina, Paul Vriesekoop. O gestor foi recepcionado por diretores e superintendentes da Associação, que apresentaram o trabalho de promoção e o desenvolvimento da pecuária brasileira zebuína.

“O objetivo claro da visita foi entender o estágio tecnológico que o zebu está. Fizeram perguntas muito pertinentes, como nível de tecnologia que estamos adotando, programa de melhoramento genético e produção. Eles estão realmente querendo conhecer a realidade brasileira”, ressalta o superintendente técnico da ABCZ, Luiz Antônio Josahkian, que respondeu as principais dúvidas ao lado do gerente do Brazilian Cattle, Mário Karpinskas.

Paul Vriesekoop esteve na sede da Associação, acompanhado do consultor Eduardo Soares e de Jaap Van Der Knaap e Harrie van Leeuwen, que são, respectivamente, editor chefe e fotógrafo da revista Veeteelt, publicação internacional da CRV. Com as informações colhidas durante visita à entidade, eles pretendem divulgar uma reportagem no periódico institucional.

“Estamos produzindo uma série de artigos sobre a pecuária brasileira, queremos mostrar a organização da produção de carne e leite. Por isso, estamos passando uma semana aqui, visitando empresas, fazendas e associações. E a ABCZ, sem dúvida, é maior referência em pecuária no Brasil. Queremos mostrar para o nosso público o que é a ABCZ e o que é o zebu, já que, na Holanda, não conhecemos a zebuinocultura”, explicou o diretor da CRV.

Durante a manhã, a comitiva teve a oprotunidade de conhecer a sede da Associação e o Museu do Zebu. “Mostramos a nossa estrutura, a força da ABCZ internacionalmente e a nossa preocupação em desenvolver ações que atendam o pequeno, o médio e o grande produtor”, reforça Fabiano Mendonça, diretor da ABCZ.

Ana Cláudia Mendes, também diretora da ABCZ, definiu o encontro como um primeiro reconhecimento estratégico mercadológico que acredita poder se transformar em uma futura parceria. “Eu tenho percebido que nosso zebu está sendo descoberto. Durante as viagens e conversas com os empresários e criadores de fora, vejo que o mercado está reconhecendo o nosso trabalho de melhoramento e o desenvolvimento da produção da carne e do leite”, conclui.





Brazilian Cattle © 2015 | Todos os direiros reservados | Créditos e Expediente
Fotos: Carlos Lopes, Fábio Fatori, Gustavo Migueol, Humberto Catão, Jadir Bison, JM Matos, Maurício Farias, Ney Braga, Rubens Ferreira, Zezinho Peres e arquivo ABCZ.
A reprodução total ou parcial do conteudo deste site, requer autorização prévia do Brazilian Cattle